Empreendedorismo e blogs: a importância de um plano de negócios

A colega Nospheratt publicou em seu blog, cujo tema são as técnicas de monetização de blogs, um artigo que tende a interessar os leitores aqui do Efetividade.net. No artigo, George A. de Araújo defende a importância do plano de negócios como ferramenta básica para a estratégia de quem quer se posicionar como empreendedor, mesmo que seja no âmbito dos blogs. Como administrador, não posso deixar de concordar.

Leia o artigo, intitulado Fatores Importantes Para o Seu Plano de Negócios, e deixe por lá sua opinião.

Ou continue lendo por aqui para saber um pouco mais sobre o conceito de modelo de negócios e por que ele é tão importante para quem tem intenções de longo prazo.

A Nospheratt foi convidada para escrever um artigo aqui para o Efetividade, de um tema sobre o qual vou guardar surpresa. Em breve deve aparecer algum material dela por aqui.

O artigo do George não tem a intenção de apresentar as definições e técnicas relacionadas a planos de negócios, mas você pode considerar a seguinte definição, que tem o aval do SEBRAE:

Plano de negócio é um documento escrito que tem o objetivo de estruturar as principais idéias e opções que o empreendedor analisará para decidir quanto à viabilidade da empresa a ser criada. Também é utilizado para a solicitação de empréstimos e financiamento junto a instituições financeiras, bem como para expansão de sua empresa.

Numa visão mais ampliada, o plano de negócio tem as seguintes funções:

- Avaliar o novo empreendimento do ponto de vista mercadológico, técnico, financeiro, jurídico e organizacional;

- Avaliar a evolução do empreendimento ao longo de sua implantação: para cada um dos aspectos definidos no plano de negócio, o empreendedor poderá comparar o previsto com o realizado;

-Facilitar, ao empreendedor, a obtenção de capital de terceiros quando o seu capital próprio não é suficiente para cobrir os investimentos iniciais.

Nem todas as funções essenciais de um plano de negócios são importantes para quem pretende manter um blog (que raramente precisa de captação de recursos financeiros externos, por exemplo), mas mesmo assim as suas técnicas constituem uma boa forma de diagnóstico preliminar e planejamento.

Pessoalmente, não me vejo como blogueiro profissional - sou funblogger, embora meus blogs gerem bom faturamento. Mesmo assim, tracei um plano de negócios e procuro mantê-lo, atualizá-lo e utilizá-lo para comparar periodicamente o previsto com o realizado. Sei que vários dos profissionais da área adotam as mesmas técnicas, e não tenho dúvida de que isto é uma parte (ainda que pequena) da receita do seu sucesso.

Saiba mais sobre planos de negócios no site do Sebrae.

Comentar

Comentários arquivados